23/08/2014 • Eduardo Falcão • Dicas

Hoje nós vamos dar umas dicas bem legais para quem quer um carro novo! Já que o final do ano está chegando e muitas novidades no segmento automobilístico estão aparecendo e é comum ficarmos cheios de dúvidas na hora de renovar nossa garagem.

Pode até parecer simples mas sair para procurar um carro do jeito que você idealiza nem sempre é uma tarefa fácil, eu mesmo prefiro pesquisar antes, lendo sobre o modelo, consultando informações de proprietários.

A verdade é que sempre temos nossas preferências, seja por marca, modelo, cor, ou até pela possibilidade de instalar determinado acessório ou personalizar o carro ao nosso gosto. A maior dificuldade é encontrar aquele modelo que nos sonhamos tanto, com um preço que realmente encaixe no nosso orçamento.

wm002

Encontrei um carro legal, e agora?

Sempre examine o carro à luz do dia, pois lugares fechados ou escuros podem dificultar a visualização de detalhes importantes da pintura. Se puder, leve um mecânico de confiança para ajudar a avaliar o estado do carro, faça um test-drive e terá como se prevenir melhor sobre problemas com freios, suspensão e funcionamento geral do motor.

Verifique as marcas gravadas nos faróis e nas lanternas, se forem diferentes indicam que a peça original foi quebrada e que o carro pode ter sido batido. Verifique também se existem marcas de tinta nos vidros e em peças plásticas, sinal que houve retoques na pintura.

Desconfie de um carro que tenha “apenas 10.000 km rodados” mas os pneus estejam muito desgastados. Como o tempo de vida útil de um pneu passa dos 40.000 km, há fortes indícios de que o velocímetro tenha sido adulterado.

wm001

Pesquise sempre os preços, pois eles variam muito. Na hora da negociação alguns outros itens que podem valorizar ou desvalorizar o carro são: o modelo, cor, ano de fabricação, quilometragem rodada, se as revisões foram efetuadas dentro do prazo estipulado pela montadora e a existência de opcionais. Independente da forma de pagamento sempre peça desconto! Os vendedores trabalham com uma margem para negociações e estão dispostos a baixar um pouco.

Já escolheu o seu carro novo?

14/08/2014 • Eduardo Falcão • Classificados

Shadow VT-600 VLX Shadow VT-600 VLX Shadow VT-600 VLX Shadow VT-600 VLX

Shadow VT-600 VLX 2001/2002

  • Moto com menos de 25 mil km
  • Cinza com a pintura personalizada (não original)
  • Dois pneus Pirelli zerados
  • Bateria Route nova
  • Embreagem nova
  • Bomba d´água zerada
  • Escape esportivo Fortuna com um ronco bem bacana (não tenho o original)
  • Cromados muito bons
  • Estado de conservação geral muito boa.
  • Manutenções feitas em Didão, sempre em dia.
  • Documentação toda em ordem, IPVA 2014 pago e no meu nome.

Tratar pelos telefones oi 81.8867 0186 ou tim 81.9827 8080.
Apenas R$ 13.500,00
Para trocas, consideraremos valores da Tabela FIPE.

fipe-shadow

21/05/2014 • Eduardo Falcão • Materias

Ontem vi na TV que a VW tinha lançado a versão automatizada do up! Pensei: legal! Será que o preço vale a pena?

Entrei no site da VW para pesquisar. A primeira versão com o câmbio automatizado é a move up! 1.0 a partir de R$ 30.990,00. Preço bem interessante, SQN. Este preço é referente ao modelo duas portas e sem nenhum opcional. Ar condicionado, vidros elétricos, travas elétricas tudo é cobrado separadamente. Se você quiser um carro completinho vai desembolsar R$ 38.998,00 mais o frete, que aqui para Recife totaliza em R$ 41.000,00.

O que temos nesta mesma faixa de preço?

O Fiat Palio 1.6 Dualogic parte de R$ 43.944,00, já vem de fábrica com ar condicionado, computador de bordo, entre outros itens que alegram o motorista.

O Fiat 500 1.4 Dualogic custa R$ 47.590,00 e vem com computador de bordo, blue and me e comandos no volante.

O GM Agile LTZ 1.4 custa R$ 46.946,00 e também já vem completo, inclusive com computador de bordo.

Será que vale a pena economizar R$ 3.000,00 para andar com um carro 1.0?

14/03/2014 • Eduardo Falcão • Restauração, Vídeos

Depois de termos muita dor de cabeça com o motor que compramos “pronto”, agora o nosso 1600 voltou a funcionar. Tivemos que abrir novamente o motor, trocar as “molas duplas” que estavam empenando as varetas dos tuchos, trocamos também os balanceiros por um kit retrabalhado e agora falta pouco para terminar o motor.

Por enquanto estamos com a dupla de carburadores Solex 32 mas o kit de injeção da Kombi já foi comprado e está esperando para ser instalado. Vejam o ronco da criança.

07/12/2013 • Eduardo Falcão • Restauração, Vídeos

Pensavam que a gente tinha desistido dele?

Que nada. Temos ótimas novidades. Depois de trocar os pneus, rodas, piscas, faróis, parachoques, freio e suspensão, chegou a hora de passar para o motor. Compramos um alternador novo de 51 amperes para tirar aquela adaptação (conhecida também como Gambiarra ou Preaca) com o alterador de Chevette.

reforma013 reforma014 reforma015 reforma016

E como se não bastasse, trocamos o motor por um 1600 com dupla carburação bebendo etanol. Esse motor foi todo feito do zero, com peças de primeira linha, um comando de válvulas muito brabo da Engle W110 como está no vídeo. Ficou uma maravilha, pegou na primeira tentativa e andou muito bem. Mas nem tudo deu certo, numa pisada mais forte as varetas pediram arrego e uma delas quebrou. Na próxima semana colocaremos as varetas da Kombi para aguentar a pressão que o motor vai levar.

Ainda falta colocar a injeção eletrônica da Kombi que já foi comprada e vai substituir os dois carburadores de Variant que estão nele e colocar a direção do Passat TS marrom, original que conseguimos achar por aí.

Quem trocou o motor? Mulatinho Performance, o moleque se garante!

« 2 3 4 5 6 7 8 »